Fechar busca

Digite o nome do produto

Digite o nome do produto e toque em Ir ou selecione um produto da lista.
R$ 0,00

Meu Carrinho

Uma alimentação balanceada na terceira idade é possível. Há alguns cuidados com a alimentação do idoso que não podem ser negligenciados para que ele mantenha a qualidade de vida e já falamos sobre eles, agora vamos abordar outros pontos e compartilhar algumas dicas da nutricionista Nayara Macêdo.  

 

Hidratação

 

Com o envelhecimento, as mudanças da composição corporal (redução de massa magra e aumento de massa de gordura, alterações hormonais), são fatores que aumentam os riscos de desidratação. Além disso a percepção da sede com o tempo tende a diminuir, fazendo com que seja necessário que se tenha uma atenção especial para a garantia da ingestão adequada de água pelos idosos. É bom ter sempre uma garrafinha de água por perto e também ingerir sucos e chás naturais ao longo do dia para manter o bom nível de hidratação do corpo.


Controle de sódio

 

Reduzir o consumo de sódio é importante para a prevenção de hipertensão, doenças renais e cardiovasculares. Para se manter o sabor e reduzir o sal no preparo dos alimentos, a dica é recorrer a temperos naturais como alho, cebola, limão, ervas frescas e especiarias.


Controle de gordura

 

O consumo elevado de gordura saturada está relacionado ao aumento do risco para desenvolvimento de doenças cardiovasculares, condição muitas vezes presente no quadro clínico de pessoas idosas.


Controle glicêmico

 

Com o passar dos anos a alteração de paladar (comum em idosos), pode favorecer o aumento de adição de açúcar e sal nos alimentos, elevando o consumo destes componentes, tendo como consequência o aumento do risco de complicações para a saúde. O controle do consumo de açúcar é importante em todas as fases da vida, para que se possa prevenir doenças ou complicações nas situações em que a doença já esteja presente.

 

Nayara ainda faz outras recomendações, uma delas é a redução de alimentos industrializados e ultraprocessados associada ao aumento do consumo de alimentos que se encaixam no conceito de “comida de verdade”: cereais integrais, leguminosas, frutas, legumes, carnes magras e hortaliças. “É importante também considerar os hábitos alimentares e culturais, proporcionando ao idoso satisfação e prazer em sua alimentação”, alerta a nutricionista.

 

Os cuidados devem estender-se, também, a refeições intermediárias. “Frutas, castanhas e lácteos são ótimas alternativas”, sugere Nayara. É muito importante ressaltar sempre a individualidade e estado nutricional de cada um para que seja definida a melhor estratégia alimentar.

 

Para garantir a alimentação balanceada na terceira idade, a Menu You tem uma ampla linha sênior que, além de pratos deliciosos preparados com níveis reduzidos de sal, açúcar e gordura, conta com snacks e sobremesas. Escolha seus favoritos e receba no conforto da sua casa.